HISTÓRICO DE ALTO ARAGUAIA - MATO GROSSO

O município de Alto Araguaia, que inicialmente chamava-se Santa Rita do Araguaya, denominação em referência à santa de devoção e ao Rio Araguaia, que margeia a sede municipal e ao mesmo tempo serve de marco divisório com o vizinho Estado de Goiás, onde também existia uma povoação com o mesmo nome; uma goiana, na margem direita, e outra mato-grossense, na margem esquerda. Formavam como que uma só unidade física.


Em 31 de janeiro de 1911, foi criada em Santa Rita do Araguaya, a primeira escola mista da povoação. Já a primeira escola primária só foi montada no ano de 1915, mas a resolução que criou o município de Santa Rita do Araguaya, sendo seu primeiro Intendente o major Carlos Hugueney, só aconteceu em 1921, através da Resolução nº 837. A década de vinte representou um período de turbulência para os moradores da região, por conta dos conflitos garimpeiros entre os caudilhos Morbeck e Carvalhinho.

O Decreto nº 291, de 2 de agosto de 1933, transferiu a sede e a comarca do município de Santa Rita do Araguaya para o de Lageado (atualmente Guiratinga). A seguir, Santa Rita do Araguaya foi encampado por Lageado. Extinguia-se o município de Santa Rita do Araguaya.


Através do Decreto-Lei 208, de 26 de outubro de 1938, foi restaurado sob a denominação de Alto Araguaia, em ato de reestruturação territorial do Estado de Mato Grosso. A partir de então o termo Alto Araguaia não mais seria alterado. O nome Alto Araguaia é de origem geográfica, pelo fato do município abrigar em seu território as nascentes do Rio Araguaia.

Dentre as grandes obras a serem realizadas no município, uma delas foi o asfaltamento da estão Avenida 7 de Setembro, em 1959. Este foi o primeiro trecho urbano a receber asfalto em Alto Araguaia. Depois disso vieram outros grandes marcos para o município como, por exemplo, o primeiro banco, que foi o Banco do Brasil, instalado em 15 de setembro de 1962, sendo que a conta número 01 pertencia ao então Coronel Ondino Rodrigues Lima.

- A pedra fundamental para a construção da Igreja Matriz Nossa Senhora Auxiliadora, foi colocada na principal praça da povoação e solenemente benta pelo Senhor Prelado D. Antônio Malan em 1920.


- A primeira linha de tráfego terrestre foi registrada em 1921, pela Empresa Auto-Viação Jataí, que percorria 186 quilômetros até Santa Rita do Araguaya.


- Em 1922, comemorando o centenário da Independência do Brasil, a cidade instalou a primeira Câmara Municipal.


- A chegada das irmãs Salesianas aconteceu em 03 de dezembro de 1927 criando assim o Instituto Maria Auxiliadora, sendo fechado em 1934 e reaberto em junho de 1939. O Instituto funcionou como escola particular em regime de externato e internato durante vários anos. Passando a pertecer ao Estado em 29 de março de 1974, sendo que o regime de internato funcionou até o ano de 1987.

- Os primeiros veículos a motor, três fordecos, foram trazidos para Alto Araguaia pelo Major Carlos Hugueney, em 1929.


- O primeiro jornal nasceu em 1931 e foi intitulado "O Araguaia".


- Em fevereiro de 1939 começou a funcionar no povoado o Colégio Padre Carletti, que na época recebia o nome de Obras do Cristo Redentor, que tinha como inspetor o Major Carlos Hugueney. Em 1951 passou a se chamar Patronato Salesiano e dois anos mais tarde, em 1953, Colégio Padre Carletti e atendia alunos em regime convencional e em regime de internato. O colégio deixou de funcionar em 1989 devido a motivos financeiros e carência dos padres salesianos disponíveis para direcionar a obra.

- Em 24 de maio de 1955, Alto Araguaia recebeu a visita do então candidato a Presidência da República, Juscelino Kubistchek.

- A imagem da TV Anhanguera de Goiânia/GO, chegou ao município somente em 1973. O serviço telefônico de DDD (Discagem Direta à Distância) e DDI (Discagem Direta Internacional) veio através da Rede Nacional de Telefones em 03 de novembro de 1981, quando foram instaladas as 50 primeiras linhas telefônicas de Alto Araguaia.

Fonte: www.altoaraguaia.mt.gov.br